terça-feira, 11 de março de 2014

PARADA NACIONAL DA EDUCAÇÃO DIAS 17,18,19/03/2014

A CNTE convoca mobilização nacional para os dias 17, 18 e 19 de março. Trabalhadores em educação vão parar o Brasil para exigir o cumprimento da lei do piso, carreira e jornada, investimento dos royalties de petróleo na valorização da categoria, votação imediata do Plano Nacional de Educação, destinação de 10% do PIB para a educação pública e contra a proposta dos governadores e o INPC. 

6 comentários:

  1. Eu gostaria de saber quais as medidas legais que a escola pode tomar como "punição" aos professores que aderirem à greve?
    Eles podem enviar a falta? Será abonada? Existe alguma lei que nos ampare?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. acredito que nenhuma pq se nós professores não reagirmos não teremos nossos direitos. a escola só existe pq existe professores. temos que alertar a população que é o professor que controla a educação e o desenvolvimento de um país, não podemos ser submissos a pessoas de cargo comissionado que não tem noção do que é educação.

      Excluir
    2. deixe de ser covarde, estar com medo de lutar por seus direitos?

      Excluir
    3. Sou Professor e apoio que devemos lutar por nosso direitos com toda nossa força e união, como também devemos respeitar os nossos alunos pagando todas as aulas não dadas! pensar diferente só diminui a credibilidade de nossa luta!

      Excluir
  2. Acredito que os direitos dos educadores não são respeitados pelo fato dos próprios professores não se unirem para reivindicar melhorias para a educação no geral. Precisamos criar coragem e ir a luta, afinal somos formadores de opinião e nosso desejo que a educação no Brasil seja melhor.

    ResponderExcluir
  3. Greve e um direito legítimo. E a lei que assegura tal direito ao professor tem por objetivo direto garantir o amparo a que você se refere. Sem condições mínimas de trabalho não e possível garantir a população o direito a educação. A greve busca mostrar isto aos gestores. A pergunta e: qual a punição que você deve dar ao político que mesmo com a greve não atender a solicitação de garantia dos seus direitos que se dá a partir desta grave?

    ResponderExcluir